Blogs e Opini√Ķes Reflex√£o Marcos Castro #5

Nos acovardamos por medo e só enxergamos o próprio umbigo!

Marcos Castro

Por Marcos Castro

24/04/2021 às 10:45:15 - Atualizado h√°

Após um naufr√°gio os sobreviventes - n√°ufragos - estavam h√° dias à deriva ISOLADOS em um bote "salva-vidas", mas ainda com √°gua e comida. Estavam calmos? N√ÉO!

FINGIAM A SI MESMOS ESTAREM; POR SER MAIS CÔMODO!

NA VERDADE, UM BANDO DE RESIGNADOS APÁTICOS, ACOVARDADOS PELO MEDO, QUE SEQUER LEMBRAVAM DOS MORTOS NO NAUFRÁGIO; E TAMPOUCO LUTAVAM PELA VIDA!

Eis que, aparece no horizonte um avi√£o de salvamento e o que se d√°, ent√£o, é o que chamo de "TURBUL√äNCIA EMOCIONAL" e os n√°ufragos reagem e voltam a lutar por suas próprias vidas e uns pelas dos outros, UNIDOS!

?Estamos, j√° h√° 13 meses, diariamente, recebendo "BOLETINS EPIDEMIOLÓGICOS" (Vou batiz√°-los de "BOLETIM COVID") nas cidades de todo o Pa√≠s e na nossa!

"Entrem" a√≠ nas redes sociais (por exemplo na p√°gina do Facebook da Prefeitura Municipal de sua cidade) e notem o que tem acontecido: no in√≠cio da dissemina√ß√£o do v√≠rus chin√™s, A CADA "BOLETIM COVID", o que v√≠amos eram centenas de coment√°rios, milhares de rea√ß√Ķes, sugest√Ķes, luta pela vida!

Percebam agora!

Alguns poucos coment√°rios, algumas "rea√ß√Ķes", algumas lamenta√ß√Ķes inócuas que n√£o levam a nada, e nada mais!

"Sacaram"?

Somos estes n√°ufragos, isolados, resignados, acovardados e ap√°ticos!

Ah, mas está vindo por aí o "avião de salvamento" (as vacinas vêm de avião).

N√£o, este n√£o é o avi√£o de salvamento, infelizmente!

Para nós, n√°ufragos do navio da humanidade amedrontada e ap√°tica n√£o h√° tempo para salvar todos.

Em 06.04.21 (data do √ļltimo levantamento mundial), o MUNDO tinha aplicado cerca de 565 milh√Ķes de doses,que foram administradas em 138 pa√≠ses, de acordo com dados do Our World in Data (OWID).

N√ļmero alto, n√£o?

Que nada!

Somos 7,8 bilh√Ķes de terr√°queos, que, em sua maioria, precisa de duas doses; o que representa que vacinamos somente 3,6% da popula√ß√£o mundial com duas doses, até a referida data.

Qualquer pessoa com uns tr√™s neurônios funcionando e com acesso a internet pode pesquisar que o mundo precisa imunizar 70% da popula√ß√£o para alguma garantia.

Façam as continhas de quanto tempo isto demorará!

Matematicamente: 11 anos para 100% de imunização e 8 anos para 70% de imunização!

Como a matem√°tica nem sempre é v√°lida em temos geopol√≠ticos; e como a produ√ß√£o e quantidade de novas vacinas pode aumentar, a empresa de pesquisa e an√°lises Economist Intelligence Unit (EIU) acredita que a maior parte da popula√ß√£o adulta nas economias avan√ßadas ser√° vacinada em meados de 2022.

Para os pa√≠ses de renda média, esse cronograma se estende até o final de 2022 ou mesmo o in√≠cio de 2023, enquanto as na√ß√Ķes mais pobres do mundo podem ter que esperar até 2024 para que a imuniza√ß√£o em massa(pelo menos de 70% da popula√ß√£o) aconte√ßa.

É GARANTIDO, PORTANTO, QUE, ANTES DESTA VACINA√á√ÉO ARTIFICIAL DA HUMANIDADE (lembrando que o v√≠rus chin√™s tem muta√ß√Ķes - as CEPAS e seus filhotes, as linhagens; e a cada uma delas as farmac√™uticas precisam modificar as vacinas) ALCAN√áAREMOS A IMUNIZA√á√ÉO NATURAL, chamada "de rebanho"!

Isto posto, FICA CLARO E EVIDENTE, que nós,"n√°ufragos" amedrontados, isolados e ap√°ticos, alguns acovardados pelo medo, PRECISAMOS DE OUTRA "TURBUL√äNCIA EMOCIONAL" QUE NOS FA√áA REAGIR E LUTAR PELA VIDA: JÁ ECONTINUAMENTE!

Eu, de minha parte, jamais deixei de ter esta "turbul√™ncia emocional" e continuo (MINHA OPINI√ÉO!) defendendo A PROFILAXIA E O TRATAMENTO IMEDIATO; "AVI√ÉO" QUE HÁ MUITO TEMPO SOBREVOA O BOTE DA HUMANIDADE!

É ABSOLUTAMENTE ÓBVIO QUE QUALQUER PROFILAXIA E TRATAMENTO (h√° v√°rios) É MELHOR QUE O "TOME DIPIRONA, VOLTE PARA A SUA CASA E RETORNE SE PIORAR".


Abração!

Deus os abençoe!

Marcos Castro

Professor - Psicanalista - Pesquisador - Escritor.

- Instagram: @marcos_castro_castro

- Facebook: https://www.facebook.com/marcoscastro.castro.946/

Comunicar erro
GS News

© 2021 GS News - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GS News