Manchetes Leste Paulista

Campinas esgota em 5 horas agendamento de 300 vacinas contra Covid para gestantes e mães da área de saúde

Por Redação GSNews

05/05/2021 às 11:33:30 - Atualizado há

As 300 vagas abertas para vacinação contra Covid-19 de gestantes e mães da área da saúde de Campinas (SP) foram esgotadas cerca de 5 horas após a abertura do agendamento, iniciado nesta terça-feira (4). As doses começaram a ser aplicadas nesta quarta (5).

Segundo a Secretaria de Saúde da metrópole, esta etapa da imunização contra o coronavírus é voltada para um grupo de mulheres que trabalham na área da saúde: grávidas, mães que estão amamentando (lactantes) e também aquelas que tiveram parto nos últimos 45 dias (puérperas).

A vacina aplicada é da fabricante AstraZeneca, que prevê a segunda dose dentro de três meses. A prefeitura ressalta que "todas as vacinas são seguras e as pessoas precisam tomar a que está disponível".

Diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Andrea Von Zuben explica que o grupo inclui as pessoas que trabalham na cozinha, na limpeza e na manutenção, por exemplo, em unidades de saúde, e acabam mais expostos ao vírus.

"É uma vacina de vírus inativado, portanto não causa a doença. E é muito melhor você se vacinar do que correr o risco de ter um agravamento se tiver Covid", explica Andrea.

Página da Prefeitura de Campinas pede CPF no momento do agendamento para vacina contra Covid-19

Reprodução/Prefeitura de Campinas

O cadastro para a vacinação foi aberto na tarde desta terça, às 16h, pelo site vacina.campinas.sp.gov.br e também foi realizado pelo telefone 160. À noite, por volta das 21h, já não havia mais inscrições disponíveis.

Questionada pelo G1, a prefeitura ainda não informou se há uma previsão para abertura de mais vagas para este grupo. Disse, ainda, que não há uma estimativa de quantas pessoas se enquadram nesta etapa.

Veja que pode se vacinar hoje em Campinas

Acompanhe a evolução da imunização na região

Onde se vacinar

A aplicação da dose será exclusivamente no Centro de Imunização Noroeste, na Rua Augusta Parreira Belinteni, s/nº (em frente ao número 240), na Vila Castelo Branco.

As mulheres serão informadas sobre o dia marcado - a partir desta quarta-feira - e devem chegar ao endereço com dez minutos de antecedência.

Que vacina é essa? Oxford Astrazeneca

Comprovantes obrigatórios

Para profissionais de saúde, aqueles que têm uma graduação ou curso técnico na área, é necessário apresentar o Registro no Conselho de Classe e/ou outro comprovante de trabalho como profissional de saúde. Já na categoria de trabalhadoras de saúde, é preciso levar um comprovante de trabalho no setor.

Estão inclusas na categoria de trabalhadoras da saúde mulheres que atuam em hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios, drogarias e farmácias, mas não têm necessariamente uma formação na área, como trabalhadoras da limpeza, lavandeiras e cozinheiras de serviços de saúde e balconistas de farmácias e drogarias.

Serão aceitos contratos de trabalho, contratos de prestação de serviços, holerite, crachá (desde que contenha o nome do estabelecimento, nome e sobrenome da pessoa, cargo ou função), declaração emitida pelo serviço de saúde que comprove o vínculo empregatício.

Também é obrigatório levar um comprovante de endereço em nome da pessoa a ser vacinada. São aceitos contas de água, energia elétrica, telefone, gás, serviços de internet, conta de banco, conta cartão de crédito, carnê de IPTU, cartão SUS, carta INSS, entre outros.

VÍDEOS: Veja o que é destaque na região de Campinas

Veja mais notícias da região no G1 Campinas
Fonte: G1 Campinas e Região
Comunicar erro
GS News

© 2021 GS News - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GS News